sábado, 1 de abril de 2017

MOMENTOS DE SEXO VIRTUAL COM GOSTO DE QUERO MAIS


Conheci Jessi,numa troca de emails, por causa do meu trabalho. Com o passar do tempo, descobrimos que tinhamos muita coisa em comum,  e ficamos amigos. Virtuais, porque Jessi morava   em outro estado, 
Ficavamos  horas trocando mensagens, geralmente depois da meia noite,porque o marido dela era muito ciumento e ela esperava ele dormir.

Falavamos sobre tudo, menos sobre sexo. As vezes,eu tentava levar o  papo prá esse lado,mas ela desconversava. Eu estranhava, mas respeitava .

Por uma dessas coincidências da vida, descobri que Jessi era amiga de Giselle, desabafei com ela, como estava me sentindo, depois que levei Giselle prá casa, depois da  festa, passei a noite com ela  e no dia 
seguinte ela me expulsou.

Jessi  se comprometeu a buscar uma explicação e dias depois ,  sem muitos rodeios,me disse que Giselle realmente não queria mais me ver, que prá ela aquela noite não tinha significado nada, só um simples sexo 
ocasional e que tinha se arrependido . Jessi ainda contou que Giselle tinha voltado para o seu ex marido e  outras coisas que me deixaram desapontado e chateado, como "que ela tinha fingido sentir prazer 
comigo " e " que o meu beijo era péssimo" e ainda,que me tinha me achado muito chato e sem graça.

-
  
Depois desse dia,  continuamos a nossa habitual troca de mensagens, mas , logo percebi que algumas coisas tinham mudado. Além no nosso costumeiro papo, envolvente, gostoso, sobre vários assuntos, Jessi 
começou discretamente a me provocar, fazendo perguntas sobre sexo.  

Eu podia notar que ela estava começando a ficar diferente, não falava ainda sobre  o assunto,mas me  incentivava a  falar, e eu lhe contava algumas aventuras minhas, sobre o que gostava de  fazer , sugeria contos  eróticos prá ela,  e tanto papo sobre sexo  estava me deixando super excitado,  e eu  tinha certeza de que era isso que ela queria.  

Até que, uma noite, ela sugeriu ve-la  na web cam, com a desculpa de me mostrar  uma coisa . Logo que a vi, fiquei encantado com a simpatia e a beleza dela : Jessi. era   uma morena  baixinha, cabelos curtos castanhos, olhos castanhos,bem expressivos e profundos,   , seios fartos,  uma bundinha bem redondinha, coxas grossas, boca carnuda, e  muito sensual…  

Logo de cara percebi que ela tinha cortado o cabelo e feito as sobrancelhas. Ela ficou feliz  ,disse que nem seu marido tinha  notado. Notei também que  estava vestindo   uma camisolinha branca, com alguns detalhes vermelhos. E por dentro,  uma lingerie  vermelha com  renda  , que deixava  os seios dela ainda mais apetitosos e fartos..Elogiei a lingerie, a beleza dela e disse que o marido era um homem de sorte,  por ter uma esposa  sempre sensual na hora de dormir .Pedi prá ve-la de corpo in teiro.

Depois de eu  insistir mais um pouco, ela se levantou para  me mostrar . Quando ela se levantou puder ver que a camisola   ia até  o meio das coxas. Jessi estava deliciosa com aquelas coxas grossas à mostra , o 
olhar malicioso,um sorriso provocante. Sorriu prá mim pela  webcam,  e ela e me mandou um beijo com mão,que me deixou excitado.

Depois voltou a sentar, e perguntou :
- Você gostou?  
- Você está linda !!,  eu falei. Ela agradeceu e deixou escapar um ràpido desabafo :
-  Pois é,meu marido nem notou. Me produzi todinha prá ele, e ele nem notou. Só veio deitando por cima de mim, nem tirou minha calcinha, puxou pro lado,fez o que tinha de fazer, virou pro lado e dormiu..
Jessi nem me deu tempo prá eu falar nada e já mudou rapidamente de  assunto, querendo saber como eu dormia.
- De cueca e camiseta, nada sexy como sua roupa.
- Me mostra !!  , ela pediu.

-

Levantei-me, e repetindo o que ela havia feito,  me mostrei prá ela, de corpo inteiro, eu estava muito excitado, então não teve como esconder o volume do meu pau duro, por dentro da minha cueca  boxer.  Pude ver um certo ar de curiosidade e admiração no  rosto lindo  dela.de repente ela se levantou da cadeira, e sumiu do meu campo de visão. 

A primeira coisa que pensei é que eu tinha exagerado em aparecer prá ela,de cueca e camiseta e de pau duro, e que ela tinha ficado chateada,e que não ia mais querer falar comigo.

Mas, logo depois, ela voltou ,dizendo que só tinha ido trancar a porta e, olhando pela webcam diretamente no meu rosto, começou a tirar a camisolinha, sem pressa, sensualmente, sorriu e piscou pra mim, virou 
de costas, e  sem pressa, desatou o soutien, virou-se  e ficou segurando o soutien ,com as palmas das mãos. Aí, disse, com os lábios,sem som, o seguinte : " me mostra ! " .Olhava diretamente para o meu pau, dentro da boxer.
Entrei no jogo : era tipo ; " mostro os meus peitos  se você mostrar seu pau !". Tirei o pau duro de dentro da cueca e fiquei alisando. De novo, falando apenas movendo os lábios,sem som, ela disse : - é lindo !!

Deixou cair o soutien, os seios de Jessi eram lindos, fiquei enlouquecido :  seios grandes, firmes, volumosos, biquinhos grandes e rosados.  Ela segurava os peitos  bem juntinhos, arrebitados, como se estivesse 
entregando  prá minha   boca ou convidando para uma “espanhola”…

-

Imaginei  aqueles seios macios na minha boca, os   biquinhos inchadinhos, durinhos   de tesão por mim e comecei a me masturbar, a mão frenética , o pau duro como pedra, e  ela  olhava pro meu pau e alisava os peitos, apertava os biquinhos. Enfiou a mão dentro da calcinha e começou uma siririca bem gostosa.

Ficamos ali, nos olhando, nos tocando. Loucos de tesão, Jessi acariciava os seios, excitada, se tocava loucamente, em sintonia com a minha punheta, lambia os dedos e voltava a se tocar,  olhando pro meu pau, 
a expressão de prazer que ela tinha no rosto, me deixava ainda mais excitado

Era um daqueles momentos mágicos em que o mundo conspira a favor da gente, um daqueles momentos em que tudo dá certo : uma mulher linda sentindo tesão  pela gente, um se masturbando  para o outro,  
uma noite agradável, o marido dormindo.

Sem parar de olhar para o meu pau, Jessi tirou a mão de dentro da calcinha, levou  o dedo molhado até a boca insinuando  uma chupada   e me fazendo imaginar  deslizando para dentro dela,  com ela de  quatro, 
penetrando cada vez mas forte, pegando ela pelo cabelo e  metendo,metendo... 

Pedi que ela tirasse a calcinha e ela obedeceu . E  enquanto  eu falava  putaria ela se masturbava     bem gostoso, rebolando e  esfregando a   buceta,Eu olhava fascinado, louco de tesão, apertava o cacete, minha 
mão num vai e vem, a sensação de penetrar   aquela bucetinha apertadinha,coisa maluca que é a imaginação.

-

Pedi para colocar a webcam mais proxima... e eu, vendo aquilo de perto como se eu pudesse meter a boca naquela buceta linda, falava em chupar, enfiar os dedos, meter o pau duro e em foder,foder muito, foder com força

Jessi gemia baixinho,  esfregava o clitóris com força e velocidade , gemendo,   olhando fixamente meu pau pulsando de tesão por ela, passava a mãozinha na racha meladinha,escorregadia, prá frente e prá trás, em toda a buceta, gostosa, maluquinha, apertava o peito e apressava o movimento na buceta, enfiava os dedos, lambia gulosamente, me mostrava , . Jessi se esticava prá frente, enquanto aumentava o movimento da mão e dedos na  rachinha.

Até que se esticou,se contorceu, gemeu um pouquinho mais alto....gozou...gozou e continuou a esfregação no grelinho, enquanto apertava o biquinho do peito, tremia, gemia, voltou a enfiar os dedos 
dentro da buceta e se masturbou de novo. Prá mim !! Por mim !! Gozou...gozou mais uma vez!!!

Quase ao mesmo tempo eu fui surpreendido pelo meu gozo...estava tão extasiado e envolvido com a visão daquela mulher linda se tocando,que nem percebi que me masturbava furiosamente...Gozei logo depois dela. 

Jessi disse que tinha adorado me ver gozar, que tinha  achado lindo o meu tesão por ela, ficamos mais um pouco conversando sobre o que tinha acontecido, depois ela se  despediu e saiu.

Passei o dia inteiro pensando naqueles momentos que tivemos on-line, de sexo virtual, momentos de quero mais.